teia de ideia [mídia e tecnologia]

Francisco Rolfsen Belda

Matérias marcadas com a tag ‘Coluna’

Invente seu emprego

nenhum comentário

Universidades norte-americanas de prestígio cultivam a máxima de que seus estudantes não procuram empregos e, sim, os inventam. Muitas instituições de ensino superior, no Brasil, gostariam de poder dizer o mesmo. Algumas, mesmo sem programas avançados de pós-graduação, já estão criando suas próprias incubadoras de start-ups, como são chamadas as empresas nascentes que inovam em tecnologia. O objetivo é fazer do projeto de conclusão do curso de seus melhores alunos uma ponta de lança para o mercado (e, desta, um chamariz para os futuros melhores alunos). Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

02/02/2012 às 15:58

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

O que faz um deputado

nenhum comentário

Um ano depois de tomar posse na Câmara dos Deputados, em Brasília, o palhaço Tiririca cumpriu sua célebre promessa. Na campanha de 2010, ele vestira sua personagem e, com a voz entre inocente e irritante, desafiara os telespectadores no horário eleitoral gratuito. “Você sabe o que faz um deputado federal? Eu também não. Mas vote em mim que eu te conto.” Teve recorde nacional de votos. Agora, ele contou: “Deputado trabalha muito e produz pouco.” Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

12/01/2012 às 15:57

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , , ,

Só depois do Carnaval

nenhum comentário

Ano novo e já se começa a ouvir aquela história de que o trabalho no Brasil começa, mesmo, só depois do Carnaval. O pessoal brinca, acha graça, faz aquela cara de “comigo-não”. Mas quase todo mundo já foi apresentado a uma situação em que parece inevitável adiar planos e tarefas porque, por algum motivo, alguém ou alguma coisa só voltaria a funcionar, mesmo, depois do Carnaval. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

05/01/2012 às 15:50

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

Homem do campus, homem da cidade

nenhum comentário

Um aluno, certa vez, me perguntou. “Você trabalha ou só dá aulas?” Não havia ironia na questão. Ele realmente queria saber se, além de ter feito mestrado, doutorado, escrito trabalhos científicos, participado de congressos, ministrado disciplinas, organizado eventos e projetos de pesquisa, se além disso, eu também tinha experiência prática da profissão. Mas estava explícita na pergunta a desvalorização do “dar aulas” sobre o “trabalhar”. Afinal, como se diz por aí, quem sabe faz (mesmo sem saber fazer) e quem não sabe ensina (ainda que não saiba ensinar). Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

29/12/2011 às 19:10

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , , ,

Tão longe, tão perto

nenhum comentário

Um aluno, certa vez, me perguntou. “Você trabalha ou só dá aulas?” Não havia ironia na questão. Ele queria saber se, além de ter feito mestrado, doutorado, publicações, conferências, disciplinas, eventos e projetos de pesquisa, eu também tinha experiência prática da profissão. Mas estava explícita na pergunta a desvalorização do “dar aulas” sobre o “trabalhar”. Afinal, como se diz, quem sabe, faz (mesmo sem saber fazer) e quem não sabe, ensina (ainda que não saiba ensinar). Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

29/12/2011 às 15:48

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , , ,

Escola para quê?

nenhum comentário

Em breve futuro, não será mais tão simples responder a uma criança por que ela tem, necessariamente, de ir à escola todos os dias. Dizer que lá ela irá estudar, aprender, descobrir, conhecer amigos, expressar ideias, fazer prova, passar de ano e, por fim, receber um diploma parecerá cada vez menos convincente para as próximas gerações, que terão seu conhecimento e experiência de vida fortemente influenciados por outras redes e ferramentas de comunicação e relacionamento, como, aliás, já começa a ocorrer. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

22/12/2011 às 15:47

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Natal.com

nenhum comentário

Comerciantes de Araraquara têm razão ao se preocupar com a timidez das luzes e enfeites de Natal nas ruas do Centro da cidade. Ainda que não sejam fator decisivo na opção do consumidor, cenários bem decorados com sinos, guirlandas, presépios, lâmpadas pisca-pisca e outros símbolos típicos criam um clima convidativo para as compras de fim de ano e podem servir, inclusive, como diferencial em relação ao comércio eletrônico, que cresce em ritmo galopante em todo o País. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

15/12/2011 às 15:46

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

Tráfico e tabu

nenhum comentário

O Brasil entrou, nas últimas décadas, em um círculo vicioso com sua política de repressão ao tráfico, reflexo direto da “guerra contra as drogas” lançada por Richard Nixon, nos Estados Unidos, e que, agora, começa a ser revista por dezenas de países em todo o mundo, como mostra o documentário “Quebrando o tabu”, estrelado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e já disponível em algumas videolocadoras da cidade. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

08/12/2011 às 15:44

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , ,

Elefante branco

nenhum comentário

A proposta de concessão da Arena da Fonte à iniciativa privada confirmou, agora, o que muita gente já comentava antes mesmo de sua reinauguração: o estádio que viu a Ferroviária ser tricampeã do Interior (e depois cair para a série B-1), que consagrou jogadores como Pio e Bazani (e também vencedores de bingos caça-níqueis) e que recebeu investimentos do Governo Federal para reerguer-se de acordo com os padrões da Fifa (embora equipamentos de tevê mal passem pelos corredores que dão acesso às cabines de imprensa), a Arena da Fonte, enfim, é hoje um elefante branco para a cidade. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

01/12/2011 às 15:43

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

Repressão só não basta

nenhum comentário

É compreensível e até louvável o esforço do poder público local para amenizar a exposição de adolescentes ao consumo de álcool, conforme informou e comentou, ontem, esta Tribuna. Mas tenho dúvidas se a abordagem com ênfase em segurança, apenas, é o melhor caminho. Na reportagem de Hever Costa Lima sobre as propostas do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) aparecem recorrentemente palavras como “patrulhamento”, “fiscalização”, “proibição”, “criminalidade”, “punições”, “endurecimento”, “violência”, “regras”, culminando com o eufemismo do “toque do acolher”. Quase nada sobre educação, orientação, apoio à família ou alternativas culturais que deem ao jovem alguma forma de lazer que não passe pela combinação de cigarro com cerveja. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

24/11/2011 às 15:41

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Brincando de consumir

nenhum comentário

Meu filho ganhou de presente do avô o “Super Jogo da Vida”. A embalagem já avisava: “agora com cartão de débito e crédito no lugar das notas de dinheiro!”. Imagens de sorrisos, diploma, carro e casamento, ao lado das marcas dos patrocinadores e do fabricante. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

17/11/2011 às 15:39

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Sempre falta alguma coisa

nenhum comentário

Apesar do valor simbólico, tanto faz para Araraquara estar em primeiro (2010) ou em terceiro lugar (2011) no ranking de qualidade de vida de municípios divulgado nesta semana pela Firjan. Métodos são sempre discutíveis e, como lembra Machado de Assis nas memórias póstumas de seu Brás Cubas, não devem “usar gravata”. O importante é que a cidade tem, reconhecidamente, um dos mais altos padrões de desenvolvimento do País, com bons níveis de emprego, renda, saúde e educação. Não é bem primeiro mundo. Mas é muito bom. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

10/11/2011 às 15:38

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

A lei antiálcool

nenhum comentário

Não será fácil para o governador Geraldo Alckmin repetir, com sua lei antiálcool, o sucesso de seu antecessor com a lei antifumo. A fórmula é a mesma: símbolos ostensivos de proibição, repressão sobre comerciantes, blitze de fiscalização, multas pesadas, ameaça de interdição e até perda do registro para quem desobedecer. O marketing é semelhante: saúde, cidadania, responsabilidade, comprometimento. Mas os problemas são diferentes. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

03/11/2011 às 15:37

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , ,

Esmola e impotência social

nenhum comentário

A reportagem informa: “Pedintes conseguem até R$ 90 por dia para usar drogas”. A campanha orienta: “Não dê esmola, encaminhe para a Casa Transitória”. O morador reclama: “É muito desagradável ver um bando de bêbados no meio da tarde ao se atravessar uma praça”. A assistente social sensibiliza-se: “Eles já são desprovidos de todos os outros direitos. Vamos preservar ao menos o de ir e vir”. As pessoas, em geral, se incomodam, constrangem-se e não sabem bem o que fazer quando abordadas: “Por favor, me dá um trocado pra comprar comida”. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

27/10/2011 às 15:35

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

O que a Facira quer ser

nenhum comentário

Descontado o aguaceiro que caiu no fim de semana, grande parte do insucesso da Facira parece reflexo de uma crise de identidade. Fora do discurso institucional, não há consenso sobre o que, afinal, a principal feira de Araraquara deve ser. O nome oficial indica uma vocação “agrocomercial e industrial”. A programação cultural aponta para o entretenimento popular, com brinquedos e shows de pagode e música sertaneja. E há o perfil beneficente, com reversão de recursos a entidades filantrópicas por meio de doações e serviços de alimentação. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

20/10/2011 às 15:34

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

Corrupção nossa de cada dia

nenhum comentário

Ontem, 12 de outubro, foi dia das crianças, dia da padroeira do Brasil, dia do descobrimento da América, dia do atletismo e, também, dia de marcha contra a corrupção em dezenas de cidades no País. Em Araraquara, os organizadores imaginavam atrair cerca de 600 pessoas até o Parque Infantil. Ao final, após a exibição de faixas e algumas palavras de ordem, apenas 80 assinaturas foram colhidas.

Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

13/10/2011 às 22:43

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Quanto vale um vereador

nenhum comentário

Não acho absurdo que um vereador ganhe quase R$ 8 mil por mês, como propõe projeto que vem sendo negociado pelo Legislativo de Araraquara, conforme informou Hever Costa Lima, nesta Tribuna Impressa (4/10, p. A-3). É um valor módico se comparado, por exemplo, ao salário do presidente do Senado, José Sarney, que leva para casa, oficialmente, cerca de R$ 60 mil mensais. Somada a verba de gabinete e outros benefícios indiretos, a mensalidade paga a esses parlamentares de elite pode chegar a R$ 159 mil, de acordo com dados do próprio Congresso e da ONG Transparência Brasil. No Judiciário, também há vários casos assim. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

06/10/2011 às 22:42

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Bom senso no comércio

nenhum comentário

Para a cidade é bom, muito bom mesmo, ter o comércio aberto aos sábados até as 17 horas. Acho que todos deveriam concordar com isso. É bom para quem vende, bom para quem compra, bom para quem passeia, bom para quem pesquisa, bom para quem presta uma infinidade de serviços que dependem do movimento nas ruas e calçadas para fazer o dinheiro circular. É isso o que faz da cidade o principal polo comercial da região. É o algo mais que ajuda a atrair gente de Matão, Taquaritinga, Ibitinga, Américo, Santa Lúcia, Ibaté e até da comercialmente acanhada São Carlos, para comprar, pesquisar, pechinchar, bater perna, tomar sorvete, cafezinho e, quem sabe, emendar um cinema e um restaurante na nossa cidade. É bom, enfim, porque dá impulso à nossa economia. Isso é bom. Ponto.  Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

30/09/2011 às 13:12

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Bons costumes

nenhum comentário

Antes que houvesse facções criminosas com celulares a controlar o tráfico de dentro dos presídios; antes que quadrilhas se pós-graduassem em logística para comandar roubos de carga nas rodovias da região; antes que garotos armados ousassem invadir residências, sequestrar e violentar pessoas; antes que surgissem as hordas de universitários bêbados gritando, brigando, urinando e atropelando velhinhas pelas ruas; antes, enfim, de tudo isso, houve um tempo em que tarefa de delegado de polícia em Araraquara era zanzar pelas ruas e praças fiscalizando o cumprimento da moral e dos bons costumes. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

22/09/2011 às 18:06

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , ,

Meu mendigo preferido

nenhum comentário

Estivessem vivos, Sabugo e Pemba, dois saudosos mendigos araraquarenses, poderiam se candidatar a um novo tipo de site de compras coletivas que está dando o que falar na internet.

O “Mendigo Urbano” divulga perfis de moradores de rua com o objetivo de sensibilizar grupos de internautas a contribuirem para a compra de um “kit mendigo”, no valor de R$ 250. Você escolhe seu mendigo preferido e doa o quanto quiser. Fechada a compra, ele ganha o valor do kit revertido em cesta básica, roupas e corte de cabelo. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

16/09/2011 às 18:42

Publicado em Coluna

Tags desta matéria ,

Leia, escreva… e compre

nenhum comentário

Enquanto, em Araraquara, o Ministério Público e a Prefeitura discutem a regularidade da compra, por R$ 1,5 milhão, de 48 lousas digitais para escolas municipais, nos Estados Unidos (onde mais?), pais, educadores e gestores travam há mais de dez anos um debate acalorado sobre a regulamentação da publicidade em sala de aula em troca de mais recursos para o financiamento do ensino público. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

08/09/2011 às 19:18

Publicado em Coluna

Tags desta matéria , , ,

Serra ou Dilma?

nenhum comentário

Muitos diriam: “Marina!” Mas acabarão votando em José Serra ou Dilma Roussef para presidir o Brasil, no mínimo, até 2014. Apesar do Fla-Flu, são tipos parecidos, Dilma e Serra. No geral, falta-lhes appeal. Serra tropeça na campanha, mas tem base sólida. Dilma chegou acelerando, mas corre risco de derrapar. Serra, mais bem preparado, controla São Paulo. Dilma, mais oportuna, tem o apoio de Lula. Marina, sendo Silva, tem mais appeal, mas pouca chance. Enfim, Serra ou Dilma? Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

02/08/2010 às 4:57

Publicado em Artigo

Tags desta matéria ,

O que fazer dentro da nuvem

nenhum comentário

A vida cotidiana entre chips, sensores, câmeras e zilhões de bits de informação

Em 2029, Araraquara será muito mais do que uma cidade digital. Infovias, internet para todos e órgãos públicos interconectados são apenas o primeiro passo. No futuro, cada araraquarense será, ele próprio, um provedor de acesso à rede. Seremos antenas ambulantes, enviando e recebendo sinais, imersos em uma atmosfera carregada com nuvens de informação. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

08/09/2009 às 16:50

Publicado em Artigo

Tags desta matéria

Remédio não traz felicidade

nenhum comentário

Descontrole e automedicação de antidepressivos e estimulantes preocupa

O uso de medicamentos para tentar resolver problemas como depressão, ansiedade, insônia, mau humor ou falta de atenção tem levado muitos pacientes a um beco de difícil saída. O consumo prolongado e às vezes desnecessário de remédios que afetam o sistema nervoso central pode, além de levar à dependência, mascarar as causas originais do transtorno, dificultando o tratamento.

Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

23/06/2009 às 7:59

Publicado em Reportagem

Tags desta matéria , ,

Bem no alvo

nenhum comentário

Partículas podem transportar remédios até a doença, sem efeito colateral

Imagine a cena. No interior de uma artéria, alguns poucos átomos de ouro carregam uma droga a ser despejada com precisão sobre um tumor. Eles são conduzidos pelo campo magnético gerado na ponta de uma caneta manipulada pelo médico sobre a pele do paciente. Associados a um anticorpo, os átomos também podem grudar nas células doentes e vibrar freneticamente, aquecendo o câncer até fritá-lo. Parece roteiro de ficção científica, mas esse tipo de procedimento já é testado no Brasil por pesquisadores em nanomedicina, uma ciência que inova tratamentos e diagnósticos usando dispositivos de milionésimos de milímetro – a espessura de um fio de cabelo é milhões de vezes maior que a dessas partículas. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

23/06/2009 às 7:49

Publicado em Reportagem

Tags desta matéria , ,

De Hollywood ao Cine Odeon

nenhum comentário

Com voz de galã, Bob Barlow tirou suspiros das garotas e um bom cachê

Conta-se, de memória, que a notícia causara alvoroço em Araraquara, no fim dos anos quarenta. Viria à cidade o cantor Bob Barlow, um dos crooners de orquestra que faziam sucesso internacional com o filme “Escola de Sereias” (Bathing Beauty, 1944). Imagine o que representava isso naquela época. Estrelas e galãs de rádio e cinema ditavam a moda e o comportamento da juventude que descia a Rua Três, no footing pela Esplanada das Rosas, e subia a Rua Dois, passando pelo Cine Odeon, onde o cantor norte-americano anunciado pelo diário local faria uma única apresentação por aqui. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

22/06/2009 às 2:11

Publicado em Artigo

Tags desta matéria , , ,

Napalms sobre a terra santa

nenhum comentário

Aos cinco anos, ela conheceu a guerra e viveu, na pele, a história de seu povo

A bióloga e pesquisadora Muna Odeh já perdeu a conta de quantos amigos e conhecidos no Brasil vieram falar com ela desde que as primeiras bombas caíram na Faixa de Gaza, entre o Natal e o Ano Novo. Uns protestam, outros criticam, alguns querem saber algo. A maioria lamenta as crianças mortas às centenas na mais recente ofensiva israelense no menor e mais conturbado dos territórios que sobraram da Palestina. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

04/02/2009 às 20:00

Publicado em Reportagem

Tags desta matéria , , , ,

Made in Havana

nenhum comentário

A saga de um cientista cubano por universidades, lojas e rodas de samba

Quando desceu em Guarulhos, de madrugada, o cientista trazia algumas moléculas numa cápsula e exatos 40 dólares no bolso, dentro de uma carteira surrada de couro marrom. Quase não trazia bagagem: “Cubanos viajam com pouco volume. Na volta, temos que levar compra e mantimento para a família”, explicaria algumas semanas depois. Fazia frio. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

11/12/2008 às 23:58

Publicado em Reportagem

Tags desta matéria , , , , ,

O gap tecnológico na educação

nenhum comentário

Por que ainda é tão difícil usar a informática para inovar o ensino no Brasil?

A adoção de “sistemas multimídia”, “ambientes virtuais de aprendizagem” e “ensino a distância” em centenas de cursos de nível médio e superior fez esquentar o debate entre educadores, cientistas e intelectuais de toda espécie sobre como (e até se) deve a educação transformar-se com as novas tecnologias de informação e comunicação. Leia o restante deste texto »

Escrito por Francisco Rolfsen Belda

24/08/2008 às 22:24

Publicado em Artigo

Tags desta matéria , ,